Sikêra Jr. é condenado a pagar R$ 300 mil para Xuxa em processo por danos morais

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

O apresentador Sikêra Jr. do ‘Alerta Nacional’ e a Rede TV foram condenados a pagar R$ 300 mil por danos morais a Xuxa Meneghel, após ataque contra a celebridade durante o programa de TV. A decisão é da Juíza Ana Cristina Ribeiro Bonchristiano, da 3º Vara Cível de Osasco (SP). Ainda cabe recurso.

De acordo com o Notícias da TV, na decisão, a magistrada criticou programas policiais como o Alerta Nacional e a postura dos apresentadores: “Tais apresentadores, na busca desvairada pela audiência, postam-se acima do bem e do mal e, sem refletir ou ponderar sobre o que dizem e nas consequências de seus atos, estão sempre prontos a atacar, com suas línguas ferinas,  o cidadão honesto e o desonesto, colocando a todos no mesmo patamar, sem o mínimo respeito à honra e à dignidade humanas”, diz um trecho.

A briga judicial teve início após Sikêra exibir no Alerta Nacional o vídeo de um homem estuprando uma égua. O apresentador fez graça com a situação e ainda chamou dois funcionários para simular a cena ao vivo. Xuxa compartilhou o vídeo criticando a postura do apresentador. Sikêra, então, passou a atacar Xuxa em seu programa de TV, a acusando de pedofilia por ter participado do filme Amor Estranho Amor.

Leia Também