Marrone afirma que Bruno bebe demais e desabafa que pensou em acabar com a dupla

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

O sertanejo Marrone fez um desabafo contra a bebedeira sem fim do seu companheiro de dupla Marrone. O cantor chegou a dizer que teve de se segurar para não colcoar um fim à banda. “(Ele) passa dos limites, com certeza. Mas Deus me deu esse equilíbrio mental e espiritual para eu poder me conter ali na hora, deixar rolar e ficar no meu canto, segurando as pontas. (…) Todos nós temos defeitos, ninguém é igual, então, já que existe as parcerias, nesses momentos a gente tem que ter a cabeça no lugar, alguém tem que ter o espírito ali, naquele momento, de apaziguar a situação, de levar aquela situação numa boa, saber contornar. Então, não posso dar uma de ignorante e querer fazer outro papelão”, disse ele em entrevista ao canal de Dudu Purcena, no Youtube.

A entrevista gerou repercussão e até críticas pela forma sincera do cantor. Marrone chegou a ficar sozinho em uma live após Bruno sair bêbado. No universo sertanejo o tema e o hábito de exagerar nas bebidas é tema recorrente. “Alguém, nessa parceria, tem que ter esse jogo de cintura. Como eu sei que o Bruno gosta de beber bastante, naquele dia ele misturou remédio com bebidas. Eu nem esperava aquela reação. Ele saiu do palco e eu pensei que ele fosse voltar rápido, e ele demorando…. eu cantei ’24 horas de amor’, ele demorando, então, pensei: ‘o que vou fazer agora? Mas aí Deus ajudou que o homem chegou, mas eu vi que realmente ele estava transtornado, estava um pouco fora da casinha. E aí, fazer o quê? Fiquei ali segurando as pontas. Parceria é ser parceiro. As pessoas não entendem isso: numa parceria ou numa sociedade, se você tirar uma pecinha, ela vai fazer falta”.

Bruno não se maifenstou ainda sobre a entrevista.

Leia Também