LGBTIfobia: João Dória processa Sikêra Jr. e Patrícia Abravanel

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

O governador de São Paulo, João Dória, informou que irá processar os apresentadores Sikêra jr. e Patrícia Abravanel, por LGBTIfobia. As emissoras, Rede TV! E SBT, também serão citadas no processo, que será feito através da Secretaria de Justiça e Cidadania de São Paulo.

 “O estado de São Paulo não tolera intolerância. Em 2009 instauramos 20 processos administrativos por LGBTfobia. Em 2020 foram 47, um aumento de 130%”, disse em comunicado o secretário da Justiça e Cidadania, Fernando José da Costa.

O documento diz: “O Governo de São Paulo e a Secretaria da Justiça e Cidadania não toleram a intolerância. Discriminação é crime. Estamos abrindo expedientes administrativos de casos de grande repercussão na mídia para apurar a prática de LGBTfobia contra o apresentador Sikêra Jr, a apresentadora Patricia Abravanel, além de dois vereadores, um de Itararé e outro de São José do Rio Preto”.

Leia Também