Fanatismo religioso contribuiu para separação de Karina Bacchi e Amaury Nunes

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

Chegou ao fim o casamento de Karina Bacchi com Amaury Nunes. O anúncio foi feito nesta quinta-feira (19) pela atriz, que não deu detalhes sobre o término. O jornalista Leo Dias, no entanto, disse que o “fanatismo religioso” de Karina foi determinante para o marido.

“Sim (confirmo a separação). Não tenho declarações. Não vou compactuar com as mentiras que estão sendo expostas. Prefiro não difamar a outra pessoa mesmo que possa ter motivos para isso”, disse ela ao colunista Lucas Pasin, do “Uol”.

No ano passado, Karina contou sobre uma crise no casamento com o ex-jogador. Segundo ela, o marido disse que ela “só queria orar”. Amaury chegou a sair de casa, mas no caminho teria sido “tocado por Deus” e retornou ao ouvir no rádio as palavras de um pastor.

Amaury já deixou de seguir a agora ex-mulher no Instagram. Ele ainda não se manifestou.

Leia Também