Chefe da TV Gazeta é acusada de querer trocar nudes das colegas por matérias

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

A jornalista e âncora da TV Gazeta, Michelle Giannella, ganhou os holofotes pelos motivos errados nesta sexta-feira (8). Ela é acusada pelas subordinadas de mandar as colegas oferecer nudes em troca de entrevistas.

Repórteres e produtoras deveriam mandar fotos seminuas para agilizar o processo jornalístico, dizem as acusadoras. Além das duas ex-funcionárias que afiram ter recebido o pedido,  mais cinco pessoas que estavam nas reuniões são testemunhas do pedido indecoroso.

 “Já vivi muito machismo na Gazeta, e entrava na brincadeira para conseguir espaço. Foi melhorando, e, quando finalmente já estava fora de moda esse tipo de coisa, tive que ouvir um absurdo desse de uma mulher. Ela falava com sorriso no rosto. Me senti uma incompetente que só conseguiria trabalhar se mostrasse o corpo.”, diz uma jornalista.

A acusada e a TV negam. “Isso não existe, isso é mentira. Eu sou mulher, eu estou há 24 anos neste trabalho e eu nunca usei o meu corpo pra me expor ou pra eu conseguir alguma coisa com algum atleta. E falar para uma mulher mandar foto de biquíni para um assessor? Pelo amor de Deus, gente, não tem isso”, disse.

A TV promete investigar.

Leia Também