Empresário amazonense não aceita fim da relação e joga granadas na casa da ex-namorada

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

Um empresário do Amazonas, de nome não revelado, foi preso em Boa Vista (RR) após jogar granadas na casa da ex-namorada, uma servidora pública de 29 anos. Quatro artefatos explodiram, mas ninguém se feriu na residência, na madrugada desta quarta-feira (23), no bairro Aeroporto, Zona Oeste de Roraima.

Segundo a polícia, a mulher acordou com a explosão e ficou com medo de ver o que era. Em seguida, ela tomou coragem e viu as granadas, acionando a polícia.

O empresário foi preso ainda no local, lançando os explosivos. Ele chegou a resistir à prisão e foi imobilizado. O homem dizia ser da equipe de segurança do governador do Amazonas e que aquilo era “só o começo”.

Ele foi levado para a delegacia e preso em flagrante pelos crimes de perseguição (stalking) e por expor a perigo a vida, a integridade física ou o patrimônio de outrem, mediante explosão, ambos no contexto da Lei Maria da Penha.

Questionado, o governo negou que o homem seja servidor da Polícia Militar do Amazonas ou da Casa Militar.

Em depoimento, o empresário disse que comprou as granadas em Manaus e que estava arrependido porque cometeu o ato sob efeito de bebidas alcoólicas.

Leia Também