Embarcação que fazia transporte ilegal de eleitores para Mayra Dias é apreendida no AM

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

AMAZONAS | A Polícia Federal apreendeu, na tarde deste sábado (1º), uma embarcação que realizaria transporte ilegal de eleitores gratuitamente, supostamente destinados à campanha de uma candidata a deputada estadual. A ação faz parte da Operação Eleições 2022 e aconteceu no Porto de Parintins (distante a 369 quilômetros de Manaus).

Além da embarcação, foram apreendidos objetos eletrônicos – celulares e computadores -, sendo cinco pessoas encaminhadas para prestar esclarecimentos ao Delegado Federal que preside as investigações.

Na última quarta-feira (28), a candidata fez uma caminhada pelas ruas da Ilha. Cerca de mais de 20 mil pessoas acompanharam a ex-miss Brasil da Baixa do São José até o bairro da Francesa, onde ocorreu um grande comício de encerramento da campanha.

Mayra é esposa de Bi Garcia, prefeito de Parintins, uma das maiores lideranças políticas do município. Ainda em setembro, ela também correu o risco de ser investigada por outro crime eleitoral. Desta vez, por distribuir material de campanha no qual sua imagem é vinculada a do candidato ao governo, Eduardo Braga (MDB), que não faz parte da mesma coligação que a candidata, o Avante.

O Avante integra a coligação “Aqui é Trabalho”, do atual governador e candidato à reeleição Wilson Lima (União Brasil). Braga, por sua vez, tem o apoio de Bi Garcia, que é marido da candidata.

Leia Também