Dono do Clube de Tiro foi ex-secretário de Amazonino Mendes e recebe homenagens da família e políticos

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

O casal Nardier Pinheiro de Araújo e Úrsula Rodrigues Macedo de Araújo, vítimas de uma explosão ocorrida no Clube de Tiro na Ponta Negra, neste domingo (16), eram muito conhecidos por autoridades e políticos locais. Nardier foi secretário pessoal do ex-governador Amazonino Mendes.

De acordo com informações de bastidores, a vítima trabalhou durante muitos anos com o político amazonense, até que os dois romperam as relações e Nardier se tornou empresário.

Nas redes sociais, entre as publicações de homenagem, está a do deputado estadual Wilker Barreto, que lamentou as perdas.

“Tive a satisfação de conhecer seu Nardier e dona Ursula, e conviver, por ser sócio do clube, e posso testemunhar que ambos eram pessoas extremamente atenciosas e queridas, assim como seus filhos, os quais deixo meu abraço fraterno diante de tamanha perda”, publicou o parlamentar.

A família também se posicionou: “Infelizmente e com muita tristeza recebemos a notícia do falecimento da prima Úrsula Macedo e seu marido Nardier Araújo, vítimas do acidente no Clube de Tiro Ponta Negra, a dor é imensa e fica o sentimento de pesar e apoio aos filhos, nossa tia e todos da família”, escreveu um sobrinho de Ursula nas redes sociais.

Os funcionários mortos são Dangelo da Silva e Silva e Francisco Torres e Silva. Um homem está no Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto com 90% do corpo queimado.

A Polícia Civil ainda investiga a causa da explosão.

 

 

Leia Também