David Almeida valoriza serviços essenciais e investimentos em urbanismo no orçamento de 2023

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

O prefeito de Manaus, David Almeida (Avante), está dando atenção especial à saúde, à educação e à continuidade dos investimentos urbanísticos, como os do “Asfalta Manaus”, em 2023. As três áreas somam 63,5% dos R$ 8,5 bilhões em receitas previstas para o novo ano, conforme o Projeto de Lei Orçamentária Anual (PLOA) aprovado pelas Comissões de Constituição, Justiça e Redação e de Finanças da Câmara Municipal de Manaus.

Nesta semana, termina o prazo para os vereadores apresentarem emendas ao PLOA, para que no próximo dia 19 o plenário da Câmara vote a versão final do novo orçamento. Em 2023, as receitas, segundo estimativas da Prefeitura que levam em conta os cenários econômicos nacional e internacional, serão 19% maiores que os R$ 7,1 bilhões deste ano de 2022.

“Na proposta orçamentária, a gestão compromete a maior parte dos recursos com a área de educação (R$ 2,2 bilhões, 21,7% maior que o da LOA de 2022). O segundo maior recurso se destina ao urbanismo (R$ 1,6 bilhão), seguido da saúde (R$ 1,5 bilhão), valor 19,5% maior que o previsto na LOA de 2022”, escreveu o prefeito no projeto em apreciação dos vereadores.

No cotidiano da população, os investimentos priorizados por David Almeida significam, por exemplo, a ampliação da revitalização de escolas, unidades de saúde, fortalecimento dos Centros de Referência de Assistência Social (Cras). Em urbanismo, os recursos financiam obras de mobilidade, como construção de viadutos, revitalização de vias e de espaços de convivência, como praças.

Leia Também