Mulher é presa suspeita de atear fogo em seu próprio bebê

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

GOIÂNIA – GO | Uma jovem de 24 anos foi presa, em flagrante, na tarde desta quarta-feira (12), por suspeita de matar seu bebê, nascido há seis dias, atear fogo nele e ocultar o cadáver, em Anápolis (GO). As informações são do Metrópoles.

De acordo com o documento de investigação, o corpo do bebê foi encontrado com uma pulseirinha de identificação geralmente usada em hospital. O corpo foi encontrado totalmente carbonizado.

Como o recém-nascido foi morto com apenas uma semana de vida, de acordo com a ocorrência, os peritos conseguiram identificar o nome da mãe pela própria pulseirinha.

Segundo registro da Polícia Civil, uma pessoa viu um cachorro arrastando algo pela rua, no Bairro Cerejeiras, gritou com o animal para que soltasse o que quer que fosse e, logo em seguida, ao se aproximar do local, percebeu, horrorizada, que se tratava do corpo de um bebê.

A testemunha, então, chamou a Polícia Militar, que isolou a área e acionou as equipes da Polícia Civil. O Instituto Médico Legal (IML) também esteve no local e levou o corpo para ser periciado.

Leia Também