Dois homens assassinados por dever traficantes e têm corpos jogados em ramal, no Lago Azul

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp
Segundo a polícia, ambos os homens foram espancados e mortos por asfixia.

No início da manhã desta quarta-feira (20), os corpos de dois homens foram encontrados mortos, com sinais de tortura, no ramal do Acará, que fica localizado na comunidade Azul, bairro Santa Etelvina, na Zona Norte de Manaus. Segundo a polícia, ambos foram mortos em outro local e teriam sido apenas “desovados” naquela área.

Os corpos foram encontrados por moradores do local. Uma equipe da 26ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) foi acionada, juntamente com peritos do Departamento de Polícia Técnico Científica (DPTC), que constataram que as vítimas haviam sido mortas há pouco tempo, por espancamento e asfixia.

Ambos estavam com os corpos amarrados em cordas. Um dos rapazes foi reconhecido por uma moradora. Ela informou que ele estaria devendo traficantes daquela área.

O local onde os corpos foram encontrados fica próximo a invasão conhecida como “Monte Horebe”, que foi desocupada há cerca de um ano e meio pela polícia, mas que já vem sendo ocupada novamente, principalmente por traficantes que atuam naquela região.

A Polícia Civil irá investigar a motivação e autoria do duplo homicídio.

Leia Também