Publicidade

Com ônibus elétrico, Prefeitura de Manaus chega à marca de 253 veículos novos em 1.000 dias de gestão

Facebook
Twitter
WhatsApp

Como parte do compromisso contínuo com a melhoria do transporte público na cidade, o prefeito de Manaus, David Almeida, acompanhado pelo diretor-presidente do Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU), Paulo Henrique Martins, entregou, nesta quarta-feira, 27/9, a segunda unidade de ônibus elétrico para a capital amazonense, além de mais três novos veículos convencionais, chegando ao total de 253 ônibus novos entregues em 1.000 dias de gestão.

ADVERTISEMENT

Segundo Almeida, o novo veículo elétrico representa a busca por soluções mais sustentáveis. “Isso é o ineditismo que nós estamos empregando na prefeitura. Segundo ônibus elétrico, temos mais 12 ônibus comprados em um convênio com o governo do Amazonas, que serão entregues até o final do ano. Um ônibus como esse deixa de emitir por ano, 55 toneladas de dióxido de carbono, isso é muito importante para o meio ambiente e nós trabalhamos em um lugar onde temos a preservação como a mola mestre da nossa biodiversidade”, garantiu.

Em 1.000 dias de gestão do prefeito David Almeida, já foram entregues 253 ônibus novos à população, refletindo o empenho da atual gestão em renovar e modernizar a frota de veículos da cidade.

“Ainda vamos entregar mais 95 ônibus convencionais com ar-condicionado, e isso vai fazer com que a frota de Manaus se torne uma das mais novas do Brasil, vamos colocar também ainda neste ano, em algumas paradas, ar-condicionado em grandes corredores de ônibus aqui na nossa cidade. Esse é um trabalho que a prefeitura tem feito e tem avançado também na mobilidade urbana”, completou o prefeito.

Os outros três veículos entregues são ônibus convencionais, todos pertencentes à empresa Veja e com esta nova adição, totaliza-se 39 ônibus já entregues a Manaus.

“Esse ônibus vai atender a população do bairro Alvorada, a nossa meta é já colocá-lo no meio dos bairros, ele passou por todos os testes, e é um veículo que está completo e essa, é uma mudança no Brasil, porque com esse exemplo, outras cidades irão querer aderir a inovação”, pontuou o diretor-presidente do IMMU, Paulo Henrique Martins.

A frota operante, atualmente, conta com 1.141 coletivos, distribuídos em 219 linhas, que diariamente fazem os itinerários em todas as zonas da cidade. Por dia, são registradas mais de 500 mil passagens no sistema de transporte da capital.

A entrega constante de novos ônibus e a busca por soluções inovadoras evidenciam o desejo de fazer de Manaus uma capital cada vez mais desenvolvida e preparada para atender as demandas de seus moradores.

Ônibus elétrico

Batizado como “PreservAR”, o veículo é o segundo entregue para compor a frota de ônibus atuante na cidade. Quanto as suas especificações técnicas, o veículo elétrico tem carroceria Caio Millennium de 12 metros de comprimento, suspensão totalmente pneumática do Mercedes-Benz O 500 U e ar-condicionado, assegurando o conforto aos usuários. Sua capacidade é de 27 passageiros sentados e 43 em pé, com espaço para uma cadeira de rodas. A autonomia pode chegar a 250 quilômetros.

Paralelo à aquisição do ônibus elétrico, a administração municipal ainda atua em outras frentes em benefício do meio ambiente. Uma delas é a aquisição de veículos com tecnologia BlueTec.

O BlueTec 6 é uma combinação aplicada aos motores Mercedes-Benz que resulta numa solução de pós-tratamento de emissões, formada por três módulos: DOC (catalisador de oxidação), DPF (filtro de partículas) e SCR (Redução Catalítica Seletiva). É a atuação conjunta desses três componentes que permite atender aos requisitos do Euro 6, reduzindo as emissões de poluentes.

Leia Também

plugins premium WordPress
error: Conteúdo protegido contra cópia!