Silas Malafaia chama Renan Calheiros de ‘frouxo’ e ironiza a retirada nome do relatório da CPI da Covid

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp
O relator Renan Calheiros não explicou o motivo de ter retirado o nome do pastor do relatório final da CPI da Covid entregue hoje ao Senado.

Após ter o nome retirado do relatório final da CPI da Covid, pelo relator Renan Calheiros (MDB-AL), o pastor Silas Malafaia ironizou o senador em suas redes sociais. “Poxa! Renan me tirou do relatório final da CPI da safadeza”, disse o religioso.

O documento foi apresentado na manhã desta quarta-feira (20), após passar por ajustes depois de um vazamento da prévia do relatório, ocorrido na semana passada.

Mais cedo, o pastor já havia feito outra publicação, na qual chamava Renan Calheiros de “frouxo”. “Grande honra! Se o cretino, inescrupuloso relator da CPI da safadeza, Renan Calheiros, me incriminar no sei relatório, mostra como covarde ele é. Trabalhou para eu não ser convocado. Frouxo! Uma verdadeira desmoralização para o senado”, disse Silas Malafaia.

Renan informou sobre a retirada do nome do religioso na manhã desta quarta, momentos antes de chegar à sala da comissão onde uma íntegra do relatório de 1.180 páginas será lido. Ele não explicou o motivo que o levou a retirar o nome de Malafaia, que é um dos principais apoiadores do presidente Jair Bolsonaro e que utiliza as redes sociais para divulgar fake News sobre a pandemia.

Leia Também