Novo Lázaro: caseiro comete triplo homicídio e polícia já faz força tarefa para tentar capturá-lo

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp
O criminoso matou a companheira grávida, a enteada de dois anos e um fazendeiro vizinho. Ele também tentou estuprar uma mulher durante a fuga.

O caseiro Wanderson Mota Protácio, de 21 anos, está sendo procurado pela polícia de Goiás acusado de cometer um triplo homicídio, que vitimou a companheira dele, de 19 anos e que estava grávida, a enteada dele, de apenas dois anos de idade, alé de um fazendeiro vizinho da região de Corumbá de Goiás.

Wanderson já está sendo apontado pela população como ”Lázaro 2.0”, em relação à semelhança com o caso de Lázaro Barbosa de Souza, ocorrido em junho deste ano. O caseiro conhece bem as matas onde estaria se escondendo.


A tragédia provocada pelo caseiro, teve início na noite do último domingo (28), em Corumbá de Goiás, localizada a cerca de 124 km de distância de Brasília. Após uma discussão com a companheira, Wanderson teria assassinado a mulher grávida e a enteada a facadas, o criminoso teria degolado mãe e filha. Em seguida ele teria se deslocado até uma fazenda onde já teria trabalhado, e lá, furtado um revólver com seis munições.

Em posse do revólver ele se dirigiu à fazenda vizinha e após pedir um refrigerante para o fazendeiro vizinho, ele matou Roberto Clemente de Matos com um tiro na cabeça. Em seguida, Wanderson tentou estuprar a esposa de Roberto, Cristina Nascimento da Silva, que também foi baleada no ombro. De acordo com a polícia do estado, a mulher teria se fingido de morta para escapar de Wanderson com vida.

O homem matou a esposa que estava grávida e a enteada, de apenas dois anos – Foto: Reprodução

Fuga

O foragido levou a caminhonete de Roberto e o celular da esposa do fazendeiro. Ele fugiu na manhã desta segunda-feira (29), e abandonou o veículo próximo a uma mata na GO-225, distante apenas alguns quilômetros do local do crime.

As informações são de que o assassino esteja na região de Abadiânia, ele teria tentado pegar um ônibus às margens da BR 153 quando avistou a polícia e fugiu para a área de mata próxima às residências. Moradores da região estão com medo de se deparar com o criminoso que estaria armado e muito perigoso.


O aparelho celular roubado por ele foi localizado na tarde de ontem pela polícia em posse de um homem em Alexânia, que confessou ter comprado o aparelho celular. O homem foi preso e irá responder por receptação.

Leia Também