Mulher cai em golpe e paga mais de R$ 4 mil em corrida que custava R$ 7,90

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

Uma mulher, 60, que preferiu não se identificar, pagou mais de R$ 4 mil em uma corrida que partiu da rodoviária para o bairro Hugo Lange, uma distância de 3,5 quilômetros, a corrida custava R$ 7,90. O caso aconteceu na terça-feira (21).

Segundo a vítima, ela perdeu o dinheiro ao pagar a viagem da cunhada, que estava indo visitá-la.

“O motorista chegou com a minha cunhada e ela tentou pagar com o cartão de crédito ou dinheiro, mas ele não aceitou. Ele disse que só aceitava no débito, que era uma regra da empresa. Aí ela me pediu para eu passar o meu cartão”, lembrou.

A cunhada da vítima entrou no carro do motorista na rodoviária, após ser abordada por ele enquanto caminhava para pegar um táxi. 

“Quando minha cunhada estava vindo para Curitiba, eu disse para ela pegar táxi e não Uber. Mas quando ela estava indo fazer isso, o homem chegou do nada e perguntou se ela queria uma corrida, porque ele era motorista de aplicativo. Ela acabou aceitando”.

A mulher disse que, na hora de pagar a corrida, percebeu que a tela da máquina estava quebrada. Ela lembra que achou estranho, mas não contestou. 

Ela disse, também, que antes de fazer o pagamento, o homem mostrou o valor da corrida na tela do celular.

O valor levado pelo golpista, segundo a vítima, era todo o salário do mês, que ela tinha recebido há poucos dias. A mulher é professora na capital paranaense.

Leia Também