Detento é metralhado por desafetos na saída da cadeia

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp
O detendo havia acabado de sair do local para ir trabalhar, quando foi alvejado pelos disparos.

Um detento que havia acabado de sair do Centro de Progressão Penitenciária (CPP) foi assassinado na manhã dessa quarta-feira (12), no Distrito Federal. Felipe Batista da Silva, de 37 anos, morreu no momento que saia para trabalhar.

O crime foi gravado por câmeras de segurança do próprio CPP. Nelas é possível ver o momento que Felipe atravessa a rua em direção a um veículo. Logo atrás dele aparece um homem que efetua diversos tiros contra ele.

Mesmo baleado, o detendo consegue se levantar e entrar no carro que o aguardava. Os criminosos que atiraram contra o homem fugiram do local em outro veículo.

De acordo com a Polícia Civil, Felipe havia sido liberado por volta das 5h35. O corpo do detento foi encontrado horas depois dentro de um veículo modelo Gol. No interior do veículo os policiais encontraram cápsulas de munição.

O caso é investigado pela Polícia Civil do Distrito Federal.

Leia Também