Com pastora Flordelis presa, sua última igreja fecha as portas e ovelhas se debandaram

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

Após um ano da prisão da pastora Flordelis acusada de ser a mandate da morte do marido, o pastor Anderson do Carno, em 2019, a última igreja ‘Cidade do Fogo’ do ministério, fechou as portas. O templo ficava no Mutondo, em São Gonçalo, no Rio de Janeiro.

Conforme as informações divulgada pelo Metrópoles, foi a própria ex-deputada federal que pediu a lacração do imóvel, pois n~´ao estava conseguindo custear os compromissos financeiros, já que aguarda julgamento.

Além da ‘Cidade do Fogo’ outras cinco unbidades que eram administrada pelo pastor Anderson antes de sua morte foram fechadas. Ele era o responsável pela administração.

Ainda conforme o Metrópoles, com a notícias do susposto envolvimento da pastora e seus filhos no crime, os fiéis e até membros da família saíram da igreja e acabaram abrindo outras, e levando as ovelhas com eles.

Leia Também