Feminicídio: Grávida de cinco meses é assassinada a tiros na porta de casa

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp
O filho da vítima disse à polícia que o homem que matou a mãe mantinha um relacionamento amoroso com ela.

Uma mulher grávida, identificada como Dianna Lourdes Alves, de 31 anos, foi assassinada a tiros na noite dessa terça-feira (21), na frente da casa onde morava, no bairro Casa Branca, em Belo Horizonte (MG). Ela estava grávida de cinco meses.

De acordo com testemunhas, a vítima trabalhava vendendo roupas e teria ido até a frente da casa atender a um homem que queira ver algumas peças. Após conversar com o suspeito, a grávida foi baleada diversas vezes. Os tiros atingiram o tórax, abdômen e cabeça da vítima, que morreu no momento que era socorrida.

O filho da vítima disse à polícia que o homem que a chamou na porta mantinha um relacionamento com a mãe e que já tinha presenciado várias brigas entre eles. O suspeito tem 29 anos e segundo a polícia, já tem diversas passagens pelo sistema prisional pelos crimes de falsidade ideológica, ameaça, porte de arma e adulteração de veículos.

A Polícia Civil investiga o crime. Até o momento o suspeito de ter cometido o crime ainda não foi preso.

Leia Também