Bolsonarista radical que tentou explodir caminhão no DF é paraense e empresário

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

A Polícia Civil do Distrito Federal confirmou neste domingo (25) a identidade do homem preso por tentar explodir um caminhão com uma bomba, no Distrito Federal, ontem (24). O nome dele é George Sousa,, empresário do Pará ligado ao mercado do gás.

A Família afirma que não foi comunicada. A esposa de George, Ana Claudia Leite de Queiroz, disse que não esperava isso dele. “Estou chocada. Isso não pode ter acontecido porque ele era uma pessoa pacifista. O meu marido nunca faria algo assim.”

De acordo com a Polícia, o homem, de 54 anos foi para Brasília  participar das manifestações em apoio ao presidente Jair Bolsonaro (PL) e contra a posse de Lula.

Ele confessou que tinha intenção de explodir o artefato no aeroporto Juscelino Kubitschek. A bomba estava conectada a um caminhão de combustível.

 Junto com ele, a polícia apreendeu ao menos cinco explosivos semelhantes ao usado no caminhão, além de um fuzil, duas espingardas, revólveres, mais de mil munições.

O plano do empresário deu errado após o motorista perceber a caixa dentro do veículo e chamar a polícia.

 

Leia Também