Bolsonarista humilha mulher logo após doar marmita: ‘vá pedir ao Lula’

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

SÃO PAULO | Um vídeo que começou a repercutir neste sábado (10) nas redes sociais mostra um bolsonarista humilhando uma mulher, aparentemente em situação de vulnerabilidade, após ela afirmar que votará no candidato Lula (PT) para presidente.

No vídeo, o homem acaba de entregar uma caixa com o que seria comida para a mulher, e pergunta quem ela votaria nas eleições. A mulher, então responde que votará no candidato petista e, com a resposta, o bolsonarista diz que “a partir de hoje, é a última marmita que vem aqui”.

A atitude cruel deixa a mulher sem reação que, sem graça, ri e pergunta se é verdade. Ele confirma que sim e diz para ela pedir ao Lula.

Nas redes sociais, atitude do homem tem sido amplamente rechaçada. No Twitter, famosos e internautas procuram pela mulher para poder ajudá-la.

O apresentador Luciano Huck foi uma das pessoas que se manifestou sobre o caso e disse que “fome não tem ideologia” e rebate que atitude do bolsonarista é “lamentável e desumana”.

O homem que aparece no vídeo em que gravou, constrangendo uma moradora eleitora de Lula em Itapeva, interior de São Paulo, chama-se Cassio Joel Cenali, empresário do ramo da agropecuária.

Veja vídeo que já ultrapassou 3 milhões de visualizações em poucas horas.

o homem responde a vários processos por não pagamentos de IPTU e com decisão sobre “cumprimento de sentença cheque”.

Outros processos de Cassio são o de ter recebido o auxílio emergencial do governo federal indevidamente e por não pagar impostos. Nas redes sociais ele se apresenta com o o slogan: Deus acima de tudo, Brasil acima de todos.

Leia Também