Banca de café de donos que agrediram pessoas em situação de rua é retirada pela Prefeitura de Manaus

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

Após a divulgação de um vídeo que mostra os donos e funcionários de uma banca de café da manhã agredindo pessoas em situação de rua, a Prefeitura de Manaus notificou e interditou o estabelecimento, que ficava no bairro Jorge Teixeira, Zona Leste de Manaus, nesta segunda-feira (31).

Em nota, a Secretaria Municipal de Agricultura, Abastecimento, Centro e Comércio Informal (Semacc) informou que o local funciona de forma irregular e que conversou com os responsáveis, de forma pacífica. O responsável também seria atendido pelo departamento jurídico para esclarecer a agressão mostrada nas imagens.

Ainda segundo a Semacc, a secretaria visa o “respeito ao ser humano, não importando sua condição social”. No último final de semana, um motorista flagrou os donos dando chutes, socos e expulsando pessoas em situação de rua, que também seriam dependentes químicos, e que pediam comida.

Uma mulher, que já seria idosa, ficou jogada no chão. Um outro homem foi agredido no meio da rua, entre os carros. Um dos funcionários da banca chegou a dizer “sai daqui seus demônios”.

Nas redes sociais, moradores e trabalhadores da região reclamaram que o local virou uma “cracolândia”. Outros, no entanto, disseram que a agressão não justificava e que as pessoas apenas sentiam fome.

 

 

Leia Também