Após invadir Ucrância, Rússia faz ameaças a Finlândia e Suécia

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp
A afirmação foi feita pela porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da Rússia, Maria Zakharova.

No início da tarde desta sexta-feira (25), a porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da Rússia, Maria Zakharova, alertou que a Finlândia e a Suécia sofreram “consequências militares e políticas prejudiciais”, caso ingressem na Otan.

A declaração foi feita durante uma entrevista coletiva em Moscou. “Consideramos o compromisso do governo finlandês com uma política militar de não alinhamento como um fator importante para garantir a segurança e a estabilidade no norte da Europa”, disse.

A afirmação foi feita após o presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky fazer publicações em seu perfil em rede sociais agradecendo o apoio fornecido pelos dois países. Nos posts, Zelensky disse que os países estão ajudando a Ucrânia a construir uma coalizão “antiguerra” e “anti-Putin”.

Leia Também