Pedido do impeachment do presidente do Garantido, Antônio Andrade, é assinado

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

O pedido de impeachment do atual presidente do Garantido, Antônio Andrade, já foi iniciado. O documento já teria sido assinado pelo ex-presidente da Ordem dos Advogados do Brasil no Amazonas (OAB-AM), Marco Aurélio Choy, e a empresária e compositora Ana Paula Perrone.

A crise no boi vermelho e branco vem se intensificando desde que os três levantadores de toada anunciaram saída. Após eles, outras pessoas também saíram. Para completar, a falta de pagamento de alguns trabalhadores é relatada desde o início dos trabalhos das alegorias.

Após o encerramento da 55ª edição do Festival Folclórico de Parintins, vários trabalhadores do boi vieram a público pedir os pagamentos referente as três noites do festival, pelos serviços prestados. A falta do pagamento gerou revolta não somente na torcida do Garantido, mas também em sócios e integrantes da associação.

A assembleia geral para a prestação de contas do presidente está marcada para o dia 10 de julho. Com a data se aproximando, foi encaminhado ao diretor financeiro um pedido da relação de sócios torcedores em dia com a associação.

Segundo Choy, agora é necessário realizar o levantamento dos sócios torcedores para saber quais estão mais preparados para tomar as decisões pelo bumbá.

Leia Também