Feminicídio: Indígena é morta a facadas e companheiro é preso horas depois

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp
O crime aconteceu em uma comunidade indígena da etnia Sateré Mawé, localizada no município de Maués.

Um homem identificado como Irinivaldo Batista Gastão de 27 anos, foi preso apontado como suspeito de ter matado a companheira dele, uma adolescente indígena de 17 anos da etnia Sateré Mawé, a facadas.

O crime aconteceu na noite dessa terça-feira (16), em uma área indígena, na comunidade Menino Deus, no município de Maués. De acordo com a polícia local, a vítima recebeu pelo menos três golpes de facas do companheiro.

Após as facadas, a mulher ficou caída no chão, agonizando até a morte. Foi a própria população quem acionou a Polícia Militar. O suspeito foi preso na própria comunidade e apresentado na 48ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP).

Leia Também