Esposa de Dom Philips publica carta pedindo justiça e que se despede ‘com amor’ do marido

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

A esposa do jornalista Dom Philips publicou uma carta aberta nesta quarta-feira (15) assim que soube do encontro do corpo do marido e do indigenista Bruno Pereira. Ela pediu justiça e paz na Amazônia, falou da dor da perda e dos planos para se despedir dele e de Bruno, citando a outra viúva desta tragédia.

Alessandra Sampaio não conteve a emoção e a revolta pela covarida que fizeram com os dois em Atalaia do Norte.

Confira a carta

“Embora ainda estejamos aguardando as confirmações definitivas, este desfecho trágico põe um fim à angústia de não saber o paradeiro de Dom e Bruno. Agora podemos levá-los para casa e nos despedir com amor.

Hoje, se inicia também nossa jornada em busca por justiça. Espero que as investigações esgotem todas as possibilidades e tragam respostas definitivas, com todos os desdobramentos pertinentes, o mais rapidamente possível.

Agradeço o empenho de todos que se envolveram diretamente nas buscas, especialmente os indígenas e a Univaja. Agradeço também a todos aqueles que se mobilizaram mundo afora para cobrar respostas rápidas.

Só teremos paz quando as medidas necessárias forem tomadas para que tragédias como esta não se repitam jamais. Presto minha absoluta solidariedade com a Beatriz e toda a família do Bruno.”

Leia Também