Carpê vira onça para defender segurança após vídeo postado na WEB

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

Um vídeo postado na página Corrupção Meme tirou a paciência do vereador Capitão Carpê Andrade (Republicanos) nas redes sociais. Nas cenas, ele aparece dentro do próprio carro, dirigindo e ao mesmo tempo com as mãos no celular (De acordo com o art. 252, essa é uma infração de natureza gravíssima e que tem como penalidade a multa no valor de R$ 293,47. Além disso, são gerados 7 pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH) do infrator) e filma o rosto do segurança.

Além disso, ambos estavam sem o cinto de segurança em pleno trânsito, mais uma infração considerada de natureza grave, prevista no Artigo 167 do CTB. O condutor pode ser punido com multa de R$ 195,23 e perda de cinco pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Na edição feita, uma música romântica toca ao fundo. Com isso, os seguidores, não perderam a oportunidade e comentaram: “brotheragem”, outros foram mais apimentados; “Nós dois pelado dentro do carro”, “Pelo som do ouro, tão esticando esse anel de couro”, duvidando da sexualidade do politico.

Em sua defesa e do segurança, Carpê comentou: “Pena que o único intuito é atacar as pessoas velada de um “humor negro” ou “suposto memes”. Mas reafirmo. não tenho problema algum me atacar ou criar memes, até acho engraçado, mas quando isso se estende para pessoas que não são públicas como o caso de meu amigo Handerson, pai de 3 filhos, casado e uma pessoa extremamente séria, me preocupo, porque de fato, nem tudo é engraçado principalmente quando se pega um vídeo em um contexto adiciona um fundo musical sugerindo uma relação homoafetiva.”

Neste domingo, o mesmo perfil continuou com suas publicações quentes, ao postar montagem do vereador na Parada LGBTQIA+ que aconteceu no Centro de Manaus.

No ano passado, o parlamentar se envolveu em outro escândalo. Sites divulgaram que ele contratou personal trainer Ricardo Leôncio Bezerra da Silva para trabalhar em seu gabinete na Câmara Municipal de Manaus (CMM) com gratificação de 200% ao mês.

Segundo o Portal da Transparência da Câmara, a remuneração de Ricardo Silva, personal do vereador, é de R$ 1mil, mas com a gratificação o valor a receber sobe para R$3 mil. Além disso, há o “Outras vantagens”, que aumenta a quantia em R$458,44. Mas, o desconto na previdência fica com R$ 277,39 e o “IR” (Imposto de Renda) desconta mais R$32,96. Ao final, vão R$ 3.148,09.

Na época o vereador falou que não há “nada de ilegal”.

Leia Também