Alckmin promete zerar o IPI e pode sepultar a Zona Franca de Manaus

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

Durante uma reunião que teve com empresários paulista, o vice-presidente da República, Geraldo Alckmin, prometeu que vai fazer mais que Paulo Guedes. A ideia levantada por Alckmin é “zerar o IPI”.

“Quando você tem um déficit fiscal, é dever [do governo] tentar saná-lo. A próxima meta do governo é acabar com o IPI [Imposto sobre Produtos Industrializados]. E acabar com o IPI vem com a reforma tributária.”

O novo ministro da Indústria e do Comércio, não disse quando e nem como vai fazer isso. Mas, vale lembrar que IPI levou o Governo do Amazonas e a bancada federal à justiça o IPI, ainda durante o governo do Ex-presidente Jair Bolsonaro (PL).

A redução do IPI vai prejudicar o faturamento das empresas da Zona Franca de Manaus e acabar com a competitividade entre elas. O que vai afetar diretamente os empregos dos trabalhadores que dependem da ZFM para se sustentar.

Visita a Manaus

O vice-presidente deve vir à Manaus no fim deste mês.  O ex-deputado estadual Sefarim Corrêa foi quem o convidou.

O ministro da Indústria ainda não disse como zerar o IPI sem acabar com a Zona Franca de Manaus. Além disso , Alckmin ainda não decidiu quem é o novo presidente da Suframa. Serafim e Zé Ricardo são nomes cotados para o cargo.

 

Leia Também