Agiota que matou deficiente visual em Manaus por causa do benefício do INSS é preso pela polícia

Facebook
Twitter
WhatsApp

Policiais da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestro (DEHS) prenderam nesta segunda-feira (28) o agiota Doriedson Pantoja Ribeiro, de 51 anos, pelo assassinato do deficiente visual Leandro Pereira da Silva, que tinha 31 anos. O crime ocorreu na rua Guaporé, bairro Gilberto Mestrinho, Zona Leste de Manaus, no dia 7 de junho.

ADVERTISEMENT

Segundo a polícia, a vítima era aposentado do INSS o agiota ficava com o benefício de Leandro. No dia do fato, ele foi raptado por Doriedson e agredido fisicamente porque teria pegado o cartão de volta, deixando o agiota sem o dinheiro.

A vítima foi bastante espancada e depois encontrada, sendo levada ao Hospital e Pronto-Socorro João Lúcio, onde no dia 14 de junho acabou não resistindo. Segundo o laudo do Instituto Médico Legal (IML), a causa da morte foi choque séptico, fascite necrotizante mid (infecção necrosante da cabeça e pescoço), politraumatismo e agressão física.

Desde o crime o agiota fugiu até que foi preso pela DEHS.

 

Leia Também

plugins premium WordPress
error: Conteúdo protegido contra cópia!